ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Na última quarta-feira, dia 06 de Novembro, a Cooperativa Coprossel em parceria com a Empresa Bayer promoveram uma importante palestra com o pesquisador Marcos Iamamoto. A palestra foi realizada na propriedade do Sr Arno Zanatta, em Rio Bonito do Iguaçu. Produtores e técnicos conferiram na prática as soluções e resultados que a parceria BAYER/COPROSSEL oferece aos agricultores na produção e desenvolvimento de suas lavouras.

Programa apresentado  “De Primeira, Sem Dúvida”
Entrando em sua 4ª safra, a iniciativa “De Primeira, Sem Dúvida” trabalha com pesquisadores para observar como a cultura da soja responde a diferentes tipos de manejo. Em campos lado a lado, acompanha a aplicação de fungicida no momento correto e em momento atrasado, e através disso  mensurar os efeitos das aplicações.  A palestra trazida pela Bayer em parceria com a Coprossel teve o objetivo de orientar os agricultores sobre diferentes manejos da soja, e apresentar alternativas no controle de doenças, visando o aumento da produtividade da lavoura.

A palestra desenvolvida pelo pesquisador doutor Marcos Iamamoto abordou principalmente as doenças que acometem a soja no início do ciclo da cultura, e os danos causados por elas. As principais citadas foram a Antracnose e Cercosporiose que podem ocorrer mesmo nas fases mais jovens das plantas, já causando danos econômicos, as quais devem ser consideradas no manejo fitossanitário das plantas.
O produtor precisa estar atento para a escolha correta dos produtos na hora de montar o seu programa de aplicações. O Brasil colheu 114,8 milhões de toneladas de soja em 2018/2019. Destaca-se como a principal cultura de grãos do país, com uma área cultivada que triplicou nos últimos 20 anos, passando de 11,6 milhões de hectares em 1994/1995 para 35,8 milhões em 2018/2019 (Conab, 2018). São muitos os desafios que os produtores enfrentaram nesse período para conseguir alavancar a produção a esses patamares, e atender o mercado da soja. Um desses desafios são as doenças que ocorrem na soja, inclusive já nos estágios iniciais das plantas.
Para o engenheiro agrônomo da Coprossel Mauri Mendes, mesmo as lavouras estando em fase inicial de desenvolvimento já é possível observar a ocorrência de algumas doenças, dentre elas a antracnose e cercosporiose, as quais devem ter o seu controle realizado antecipadamente, evitando uma maior proliferação do agente causador da doença. “Pensando na lógica da proteção por camadas, a primeira aplicação é de suma importância e faz-se necessário o uso de um produto de alta qualidade, e devido à importância desse tema, recebemos o pesquisador Marcos Iamamoto para trazer todas as informações nesse sentido para os produtores”. Através da parceria entre Coprossel e Bayer, os associados tem a disposição o fungicida premium   Fox Xpro em todas as unidades da cooperativa dando suporte em termos de  proteção nessas fases inicias e subsequentes do desenvolvimento da soja, garantindo assim altas produtividades. Procure o departamento técnico da Coprossel.


Fonte: Assessoria Coprossel - Jefferson Silva / RCA
Postado por Jefferson Silva - Data: 08/11/2019