ÚLTIMAS NOTÍCIAS


No dia 16 (sábado) por volta das 22h, a PM deslocou até a Rua Dom Pedro I, Presidente Vargas onde segundo informações havia uma pessoa ferida com vários disparos de arma de fogo. 
 
No local em contato com a solicitante, 23 anos, relatou que ela e seu convivente 30 anos, estavam indo para casa e que na esquina havia duas pessoas, sendo que a solicitante conhece uma delas (adolescente 14 anos) o qual sacou de uma arma de fogo e efetuou vários disparos contra seu convivente, o qual saiu correndo, que logo após, o adolescente juntamente com outra pessoa saíram correndo tomando rumo ignorado. 
 
A solicitante não sabia informar se seu convivente estava ferido ou não, pois os dois saíram correndo cada um para um lado.    
 
Diante dos fatos a equipe deslocou juntamente com a solicitante até sua residência, sendo localizado o mesmo sem ferimentos, o qual desconfia que um terceiro mandou lhe matar, pelo motivo que na mesma data os mesmos estavam em um bar e esse terceiro chegou e deu um tiro próximo ao seu pé com uma pistola e agrediu a solicitante com um empurrão, que logo apos saiu com um veículo Astra, tomando rumo ignorado. 
 
A equipe realizou patrulhamento nas imediações, porém, os autores não foram localizados, sendo orientadas as vítimas quanto aos procedimentos cabíveis. Logo apos a equipe foi informada via Copom da 2ª Cia da PM que havia várias ligações informando que o terceiro estaria na Rua Carlos Gomes conduzindo um veículo GM/Astra com equipamento de som em volume excessivo e efetuando diversos disparos de arma de fogo. 
 
Deslocado ate o local e visualizado o veículo suspeito, onde o condutor ao visualizar a equipe estacionou, com o equipamento de som em volume excessivo e empreendeu fuga por um beco, juntamente com outras pessoas. 
 
Foi feito acompanhamento e foi logrado êxito em abordar o condutor, 25 anos, o qual ao ser dada voz de abordagem, desobedeceu e investiu contra a equipe, sendo necessário o uso de força física moderada para contê-lo. 
 
Foi constatado pela equipe que o condutor apresentava visíveis sinais de embriaguez o qual se recusou a realizar o teste etilométrico. Foi dada voz de prisão e conduzido o mesmo ate a 2ª SDP para os procedimentos cabíveis, juntamente como o equipamento de som.
 
O veículo foi conduzido ate o pátio da 2ª Cia da PM, sendo confeccionadas as notificações cabíveis. Durante buscas no interior do veículo foi localizado em seu interior, no banco traseiro, uma cápsula deflagrada de munição calibre .380 da marca CBC e ainda uma caixa térmica com algumas latas de cerveja fechadas e outras vazias espalhas pelo assoalho.
 
CONTINUAÇÃO DA OCORRÊNCIA
 
Por volta das 00h10min a PM novamente foi acionada, pois os disparos de arma de fogo voltaram a acontecer no local. A PM foi ao local e durante atendimento de ocorrência de disparo de arma de fogo no bairro Presidente Vargas, equipes da PM efetuaram a abordagem de indivíduos que tentavam se esconder, correndo por entre casas e pulando muros, onde foi visualizado um suspeito, sendo que ao se aproximar e dar voz de abordagem, um individuo levantou-se com uma arma de fogo em uma das mãos e na outra uma faca.

Diante do eminente perigo e para resguardar a integridade das equipes, um dos soldados efetuou disparos de arma de fogo, ferindo o suspeito. Foi acionado o Siate que compareceu ao local e constatou o óbito do mesmo.

Foi acionado o IML, Criminalística e Policia Civil que compareceram ao local e ao efetuarem os levantamentos localizaram com o adolescente (14 anos) de nome Felipe P. A., uma Pistola Taurus Cal. 380 com 15 munições no carregador e uma na câmara, um carregador com mais três munições e uma faca de caça (foto).

Os objetos que estavam em posse do adolescente foram entregues na 2ª Subdivisão da Policia Civil de Laranjeiras do Sul.


 


Fonte: PM
Postado por Adilson Nogueira - Data: 18/11/2019