ÚLTIMAS NOTÍCIAS

As medidas restritivas mais rigorosas foram anunciadas na tarde deste domingo (23) pelo governo da Lombardia, onde vivem 10 milhões de habitantes (o total da população italiana é de 60 milhões) e onde está concentrada a maioria dos casos, com mais de cem pessoas contaminadas.

Estão suspensas as atividades em todo o sistema de educação, do infantil ao pós-universitário, além de “toda forma de reunião em lugar público ou privado, inclusive de caráter cultural, lúdico, esportivo e religioso”. O prazo é de sete dias, que pode ser prorrogado por mais sete.

Capital da Lombardia e centro financeiro da Itália, Milão já começou a sentir as mudanças. Escolas se apressaram para avisar as famílias do fechamento a partir desta segunda-feira (24) e centros culturais como a Pinacoteca di Brera e o Teatro alla Scalla anunciaram a interrupção das atividades. A catedral Duomo, principal ponto turístico da cidade, também será fechada.

A grife Armani realizou neste domingo seu desfile num galpão vazio, sem convidados, com apenas transmissão pela internet. Quatro partidas da série A foram adiadas, além de várias nas outras divisões.

Bares, discotecas, teatros e cinemas estão proibidos de funcionar após as 18h. Os restaurantes, por enquanto, não foram incluídos nas restrições, assim como os serviços e transportes públicos, que operam normalmente.

Apesar de relatos de filas em alguns supermercados neste domingo e da falta de máscaras faciais e álcool-gel nas farmácias, o clima entre os moradores se alterna entre surpresa e expectativa pelos próximos acontecimentos. O coronavírus domina as conversas dentro e fora das redes sociais.

“As iniciativas que estamos adotando são totalmente compatíveis com a situação. Estamos procurando reduzir as possíveis ocasiões que poderiam contribuir para a difusão do vírus”, disse o governador Attilio Fontana.

Diferentemente do Brasil, o feriado de Carnaval no calendário italiano varia regionalmente e de acordo com cada escola. Em Milão, por exemplo, só a sexta-feira (28) era considerada feriado nos institutos infantis da prefeitura.

A determinação, especialmente a suspensão das atividades de educação, foi seguida pelas regiões do Piemonte, Vêneto, Ligúria e Emilia Romagna. Em Veneza, a tradicional festa de Carnaval foi cancelada a partir desta segunda, assim como as missas.

Fonte: www.bandab.com.br
Postado por Digital - Data: 24/02/2020