ÚLTIMAS NOTÍCIAS

O auxiliar de produção, José Ramos de Lacerda, de 47 anos, morreu em um acidente de trabalho, na noite desta quarta-feira (4), em uma fábrica de embalagens, na Av. Das Araucárias, em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba. De acordo com familiares, ele teria sido esmagado por uma máquina.
A prima da vítima, Eva Regina Deodato Leite, conta que a primeira a receber a notícia foi a esposa do trabalhador e não foram dados muitos detalhes sobre o acidente. “A esposa dele estava na igreja e ligaram para ela contando que ele tinha sofrido um acidente de trabalho e morreu no local. Ela ficou em choque e pediu para que eu retornasse para a moça que deu a notícia”, relatou ela.
Pelo telefone, Leite foi informada que uma máquina pressionou o peito de Lacerda e ele não resistiu. A orientação para a família é de que aguardasse o trabalho do Instituto Médico Legal (IML) e os comandos da empresa sobre como proceder com a situação. “Eles não nos deram mais detalhes. Disseram somente que aguardássemos em casa o IML fazer os procedimentos deles e os comandos da empresa, que logo iam liberar o corpo”, afirmou a prima do auxiliar de produção.

A família inteira estaria abalada com a tragédia e indignada com o acidente. “Todo mundo ficou indignado, porque esperamos que uma empresa cuide do fator humano e que a segurança esteja em primeiro lugar. A gente quer justiça e entender o que aconteceu”, disse Leite, muito emocionada.

Lacerda estaria há apenas duas semanas na empresa, mas já teria trabalhado no local em outra ocasião, por cerca de cinco meses. O profissional seria natural da região nordeste do país e os pais dele querem que o corpo seja levado até o estado da Paraíba, onde Lacerda nasceu.

Fonte: www.bandab.com.br
Postado por Digital - Data: 05/03/2020