ÚLTIMAS NOTÍCIAS


O delegado da Policia Civil da 2ª SDP de Laranjeiras do Sul, Dr. Igor Rabel Corso, abriu inquérito para apurar os fatos descritos em uma matéria jornalística que chocou toda a comunidade do município, comprovadamente uma acadêmica da UFFS em seu Twiter publicou ofensas com escritas de cunho racista e discriminatório. 
 
O inquérito deve ouvir as partes e a acadêmica está sendo acusada de ''Crime de Racismo e preconceito a pessoa branca'' prevista na lei 7716/89 no seu artigo 20 ......''Praticar , induzir ou incitar a discriminação ou preconceito da raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional com pena prevista de reclusão de um a 3 anos e multa. 
 
No dia 07/04/2019 a acadêmica da UFFS postou em seu twiter endereço citado nos autos a seguinte frase ''Laranjeiras do Sul, é a cidade dos branquelos sem sal, crescidos a base de pseudo cultura da superioridade burros pra caraí e ouvidores de eletrofunk'', isto implica no desprezo a comunidade local além de um possível preconceito de raça e cor e que foi dirigido a todas as pessoas que residem no município supra citado. 

Fonte: Blog Meia Hora

Postado por Adilson Nogueira - Data: 09/04/2019

Veja também