ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A Desenvolve Consultoria Júnior (Empresa Júnior da UFFS – Campus Laranjeiras do Sul), criada em 1º de setembro de 2016, caracteriza-se como uma associação sem fins lucrativos, constituída por acadêmicos dos cursos de Ciências Econômicas, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Aquicultura e Agronomia, ofertados na UFFS – Campus Laranjeiras do Sul.
A Desenvolve atua prestando serviços de consultoria, apoio técnico e desenvolvimento de estudos e projetos, para micros, pequenas e médias empresas privadas, indústrias e agroindústrias, propriedades rurais, e cooperativas. Além disso, realiza estudos, diagnósticos e relatórios sobre assuntos específicos inseridos em sua área de atuação.
 
O Giro Rural que vai ao ar pela Rádio Campo Aberto, de segunda a sexta-feira, às 6h30min da manhã, conversou com o consultor da Desenvolve Consultoria Jr da UFFS o Bruno Mazurok Pachulski, que é estudante de agronomia da universidade. Bruno relata sobre uma alternativa para geração de emprego e renda para produtores rurais de economia familiar.
 
Bruno: As pequenas frutas têm ganhado bastante mercado ultimamente, devido a versatilidade em usos culinários, como geléias, sobremesas, sorvetes, bolos, sucos, além de uso medicinais, pois são ricas em antioxidantes naturais e vitaminas, antocianinas e flavonóides.
Giro Rural: Quais as frutas conhecidas em nossa região que podem ser classificadas como pequenas frutas?
Bruno: Como alternativa de negócio a framboesa, mirtilo, amora, morango entre outros.
Giro Rural: Essas podem ser indicadas para produção da agricultura familiar?
Bruno: Elas são muito interessantes para investimento do produtor, e ele consegue ter um bom retorno do investimento em áreas pequenas. Áreas de 2, 3 hectares geram uma boa renda, devido à demanda dessa produção. A maioria do que tem no mercado hoje vem de fora, então tem um espaço para produção. Elas têm em geral um bom preço, e dão retorno ao produtor.
Giro Rural: A agricultura familiar  tem uma característica bastante forte, a mão de obra. Como fica essa questão?
Bruno: Essas frutas têm uma capacidade de geração de emprego bem alta, aproveitando a mão de obra disponível. Para termos uma idéia um hectare pode gerar cerca de seis postos de emprego, compreendidos desde o plantio até distribuição das frutas.
Giro rural: Alguma pesquisa ou exemplo de produção?
Bruno: Sim , no caso do mirtilo. Com duas cultivares, que foi constatado em pesquisa, o período necessário para retorno dos  custos da cultura fica em torno de 2,5 anos. Sendo que no segundo ano, já há uma produção esperadas de 10 mil kg/ha. Caso o preço médio considerado for de R$ 10,00/kg o produtor terá uma receita bruta de 100 mil reais/ha/ano. No terceiro ano elas atingem o potencial máximo esperado, neste estudo, com produção média de 12 mil kg/ha/ano. Essa produção é uma alternativa de negócio economicamente viável, e tem o potencial de gerar emprego e renda mesmo em pequenas áreas.
Giro rural: Para os interessados em saber mais sobre esse tipo de produção e demais assessorias prestadas pelas Desenvolve Consultoria Jr, quais os contatos disponíveis.
Bruno: Quem quiser esclarecer, sobre a produção, riscos envolvidos, planejamento necessário e outros assuntos pode entrar em contato conosco, será um prazer atendê-los.
Giro Rural: Obrigado Bruno, parabéns pela iniciativa e trabalhos da empresa Jr da UFFS, nós da Campo Aberto 94.1 FM estamos a disposição.

 
Serviço:
Desenvolve Consultoria Júnior (Empresa Júnior da UFFS – Campus Laranjeiras do Sul
Fone (42) 3635 – 0020
E-mail: desenvolveconsultoriajr@gmail.com
 


Fonte:
Postado por Jefferson Silva - Data: 11/06/2019