ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Laranjeiras do Sul deu mais um passo importante para a conquista do Colégio Militar. Uma equipe chefiada pelo major Marcelo Toniolo de Oliveira, comandante-geral da Policia Militar esteve visitando o município, nesta terça-feira, 11. O objetivo, foi vistoriar os locais indicados pela prefeitura e pelo Núcleo de Educação, como provável sede do colégio no município. 
Antes da vistoria, o major se reuniu com o prefeito Berto Silva. Também estiveram presentes o chefe do Núcleo Regional de Educação, Lídio dos Santos; secretária  de Educação Maria Luiza Simões Nunes dos Santos; vice-prefeito e secretário de Saúde Valdemir Scarpari, além de representantes de entidades e clubes de serviços, entre eles: OAB Subseção de Laranjeiras do Sul, Acils, Rotary Club, Lions Clube, Loja Maçônica Acácia Laranjeirense, Conselho da Comunidade, Polícia Civil e Câmara de Vereadores.
No encontro, o técnico do comando-geral da Polícia Militar apresentou as autoridades o processo de instalação de uma unidade do colégio, com apontamentos sobre estrutura, grade curricular e processo de seleção para estudantes.
A partir do diálogo, os estudos de viabilidade de implantação do CPM em Laranjeiras do Sul continuaram, com análise da Polícia Militar sobre os possíveis locais que estão sendo disponibilizados. A decisão final sobre a implantação caberá ao Governo do Estado. 
Após a reunião, o major, acompanhado do chefe do Núcleo Regional de Educação, da secretária de Educação e do comandante da 2ª Companhia da Polícia Militar, tenente Irwind Rudnick, visitou os colégios Gildo Aluísio Schuck e Érico Veríssimo, além do prédio onde funciona hoje a Unicentro e a Secretaria Municipal de Educação. 
O major saiu de Laranjeiras do Sul satisfeito com a estrutura apresentada pelo município. “Os colégios (Érico e Gildo) têm espaços, são grandes e precisam apenas de alguns reparos para atender o currículo do Colégio Militar. Já em relação ao espaço da Unicentro a vantagem é que não tem alunos e o planejamento seria iniciado do zero. As salas de aulas são bem arejadas. O espaço é bom e muito bem planejado. Lá faltaria uma quadra coberta e o fechamento da área. Ou seja, nós conseguiríamos implantar o colégio em um curto espaço de tempo”, afirmou o major Toniolo.
Para o prefeito Berto Silva, a presença do major aponta para a conquista do Colégio Militar. “Eu, sinceramente em que pese, ainda não podemos comemorar, mas eu não tenho dúvida que será um jogo vitorioso. Existem muitos municípios pleiteando, mas eu acho que Laranjeiras do Sul saiu na frente, já que fizemos uma ligação direta com o governador e a missão da Polícia Militar está aqui presente para visitar os dois colégios e uma terceira opção oferecida pela prefeitura que é o prédio da Unicentro”, afirmou o prefeito. 
De acordo com o prefeito, o colégio irá atender tanto filhos de militares quanto de civis. “Os Colégios Militares propiciam uma educação de alta qualidade aos jovens que interessam nessa modalidade de ensino. Ele deverá ter uma proposta pedagógica própria, porém obediente a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Um dos diferenciais do sistema de ensino militar é o estímulo aos alunos na busca de suas potencialidades, qualificação ao trabalho e formação cidadã”, concluiu o prefeito.
COLÉGIO MILITAR
Os professores, equipe pedagógica e agentes de apoio, além da merenda e recursos do Fundo Rotativo serão cedidos pela Secretaria da Educação. Os diretores-gerais, diretores auxiliares e secretários serão cedidos pela Polícia Militar. Após as vistorias, será feito um relatório que será enviado para a Secretaria de Estado da Educação e o Comando da Polícia Militar. 
O Colégio Militar está presente em quatro cidades no Paraná: Curitiba, Londrina, Maringá e Cornélio Procópio.
Para 2020, existe a expectativa da abertura de mais dois Colégios: Foz do Iguaçu e Pato Branco. Em Cascavel o decreto já foi assinado, mas não existe um local definido.
Já em Laranjeiras do Sul, três locais foram colocados à disposição do Comando da Polícia Militar, onde a vistoria foi feita nesta terça-feira, 11. 

Crédito: Assessoria Comunicação PMLS

Postado por Jakeline Buratti - Data: 10/06/2019

Veja também